Cabernet Franc, uma uva que brilha na França e mundo afora

Cabernet Franc, uma uva que brilha na França e mundo afora

Perfumada e estruturada, a uva Cabernet Franc é parente da Cabernet Sauvignon e brilha na região do Loire e em Bordeaux, na França, e em outras regiões espalhadas mundo afora.

A Cabernet Franc é, sem dúvida alguma, uma das uvas mais antigas e mais importantes na região de Bordeaux. Em 1997, através de um teste de DNA, foi comprovado que a Cabernet Franc é parente da Sauvignon Blanc e da Cabernet Sauvignon.

A partir do final do século 18, a variedade já era admirada por produzir vinhos de alta qualidade na região de Libournais, nos vinhedos em Saint Émillion, Pomerol e Fronsac. O cardeal de Richelieu, Duque de Richelieu e de Fronsac, foi o primeiro-ministro de Luís XIII entre 1628 a 1642 e determinou que esta variedade fosse plantada no sudoeste da França, na região de Bourgueil, no Vale do Loire.

A Cabernet Franc é uma variedade que se adapta bem a climas frios. Ela costuma amadurecer antes que a Cabernet Sauvignon, evitando assim épocas de temperaturas extremamente baixas, como as geadas que costumam ocorrer na Serra Catarinense.

Geralmente, essa variedade costuma ser mesclada com outras, como Merlot, Syrah e Malbec. É o caso do nosso Madai. Quando utilizada em cortes, ela sempre acrescenta maciez e mais complexidade aromática.

As melhores harmonizações para a Cabernet Franc

Essa uva tinta, quando comparada à Cabernet Sauvignon, costuma ter uma tonalidade mais clara e taninos mais afáveis. Apresenta corpo médio e mais notas frutais quando nivelada à irmã.

Além de Bordeaux, ainda é bastante difundida no sudoeste francês, nas regiões de Bergerac e Madiran, assim como no Vale do Loire, nas regiões de Saumur-Champigny, Bourgueil, Chinon e Anjou. Fora da França é uma uva que aparece em algumas regiões da Itália (como Toscana e especialmente no Friuli), Eslovênia, Nova Zelândia, EUA, Canadá, Chile, Argentina e Brasil.

Os aromas mais pronunciados desta variedade são frutas escuras, como framboesa, amora, groselha, um leve toque floral de violetas, especiarias e uma leve nuance vegetal.

Na hora de harmonizar, aposte em pratos de médio peso, como carnes magras grelhadas, sem molhos tão encorpados, um filé mignon ou um filé suíno com molho de manteiga e ervas, pimentões recheados com carne moída e assados e sopa de lentilha.

Por Joana Barros, sommelière, gerente de Vendas e Marketing

Pesquise no nosso site

Carrinho

Seu carrinho está vazio no momento.

Para visitar o site da Vinícola Thera, você deve ter idade suficiente para o consumo legal de álcool em seu país. Se não houver limite de idade em seus país, você deve ter mais de 21 anos.

Você é maior de 18 anos?

Não